Prefeitura de Manaus inicia 2ª turma do programa ‘Salto: Aceleradora de MEIs’

Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi) e do Fundo Municipal de Empreendedorismo e Inovação (Fumipeq), iniciou, nesta terça-feira, 7/6, a 2ª turma de aulas do 1º ciclo do programa “Salto: Aceleradora de MEIs”, e desta vez, no anexo do Escritório do Empreendedor, localizado nas dependências da galeria dos Remédios, no Centro.

Com a visão de descentralizar conhecimento e informação sobre gestão de negócios dos empreendedores manauaras, o programa inicia a segunda turma com a duração de 3 horas de aula, carga horária de 30 horas, mais a mentoria. Nesse 1º ciclo, a ideia é formar 200 alunos que vão somar com mais outros ciclos com a mesma quantidade de formados, totalizando 600 microempresários qualificados.

Executado em parceria com o Impact Hub Manaus, organização que trabalha para o fomento de empreendedorismo e inovação social, o segundo dia de aula contou com a participação de mais de 30 alunos de diversos ramos de empreendimentos.

De acordo com o secretário executivo do Comitê de Crédito Municipal, Geison Assis, democratizar o salto é uma forma de atender todas as regiões da cidade, além da expectativa para essa segunda edição do programa que, segundo ele, é a maior.

“Nossa missão como entidade pública é dar a oportunidade, criar os caminhos e deixá-los abertos a todos. Inauguramos a primeira turma na zona Oeste, hoje estamos no centro de Manaus e nesta quarta-feira estaremos na zona Leste. Essa é a ideia dessa nova gestão: democratizar, atendendo todos os empreendedores em todas as zonas da cidade”, ressaltou Geison.

Ao todo, serão dez encontros com a metodologia focada em três grandes saltos, cujo primeiro deles é voltado para o empreendedor, com módulo de autoconhecimento. O segundo faz jus ao modelo de negócio para estudar sobre o próprio empreendimento. Já o terceiro é sobre o crescimento que acessa ferramentas desenvolvedoras e aceleradoras das microempresas.

As próximas turmas serão ministradas em mais quatro pontos: Casarão da Inovação Cassina, TV Lar Amazônia Labs, ambos no Centro; shopping Phelippe Daou, bairro Jorge Teixeira, zona Norte; e Impact Hub, bairro Aleixo, zona Centro-Sul. Para quem não foi selecionado a participar do 1º ciclo, no mês de setembro será aberta uma nova etapa, para alcançar todo o público.

Para o participante Pedro Souza Gaia, que empreende com embalagens plásticas, o curso agrega muito conhecimento em sua carreira como empreendedor.

“Eu tenho uma pequena empresa que fabrica embalagens plásticas e resolvi me inscrever no ‘Salto’ para adquirir mais conhecimento, conhecer outros empreendedores e realizar parcerias. Agradeço a Prefeitura de Manaus por essa oportunidade enriquecedora”, afirmou Pedro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.